Ulisses Kaniak | Fundação Copel


Informações Pessoais:

•  Estado civil: CASADO
•  Nacionalidade: BRASILEIRO
• Idade: 44
•  Naturalidade:  CURITIBA-PR
• Filiação: ROMÃO KANIAK, DOBROSLAVA KANIAK
 
Objetivo: 

Representar os participantes ativos no Conselho Fiscal da Fundação Copel

Resumo Funcional:
 
- Empregado da Capei há 21 anos, atualmente na função de Engenheiro de Automação  Pleno, na GET/SOS/DEGTNAUT
- Atuação na implantação, em todo o estado, de sistemas digitais de supervisão e controle de usinas hidrelétricas
- Gerente, de 03/2003 a 07/2003, no Departamento de Engenharia de Manutenção da Geração

Formação: 

1989 - CEFET-PR - Técnico em eletrônica
1993- CEFET-PR- Engenheiro Eletricista, com ênfase em Eletrônica e Telecomunicações

Associações profissionais e outras representações:

- Diretor do Sindicato dos Engenheiros desde 1999, tendo sido presidente por duas gestões (2005-2008 e 2011-2014)
- Diretor de Negociação  Coletiva da Federação Interestadual  de Sindicatos de Engenheiros - Fisenge  (2014-2017)

Atuação em Previdência Complementar

- Representante  eleito pelos participantes no Conselho Deliberativo da Fundação Copel por dois mandatos (2004-2012)
- Membro  do Conselho Deliberativo  da Associação Nacional dos Participantes de Fundos de Pensão - Anapar - desde 2014
- Membro da Comissão de Mediação, Conciliação e Arbitragem  da Previc (Superintendência de Previdência Complementar) nomeado em 26/02/2015


-Independência de atuação em relação  à diretoria da Fundação Copel  e das patrocinadoras.

-O Conselho deve definir datas  e pautas  das reuniões, dentro dos  requisitos legais  e das nece ssidades  extraordinárias avaliadas pelo  próprio Conselho.

-Contratação de assessoria especializada para o Conselho, sem vínculo com outros órgãos da Fundação. 

-Contratação anual de auditoria externa pelo  Conselho, para  avaliação independente  dos  processos internos.

-Cobrança rígida da obediência da Fundação Copel  a todos os requisitos legais  e normativas do Conselho Nacional de Previdência Complementar.

-Transparência total dos  atos  de gestão  do Conselho.

-Garantia do acesso  dos  participantes aos dados  individuais e globais dos rendimentos de todos os Planos  da Fundação Copel.

-Interação constante com  órgãos de representação de todos participantes, especificamente Sindicatos e Anapar.